sexta-feira, 27 de dezembro de 2013

Sexta-Feira 13 - 1980 - Dublado

Aqui tudo começou... a Lenda de Crystal Lake ! sim o cara que pra mim é o maior serial killer de todos... Jason Vorhes. 

Se você pensa em assistir ao Sexta-Feira 13 original para ver Jason com sua máscara de hóquei e sua sede de sangue, é melhor pensar duas vezes. Neste primeiro filme da série o responsável pelas mortes é outro, algo que só mesmo os mais empolgados fãs do gênero sabem.
Aproveitando o sucesso do fantástico HalloweenSexta-Feira 13 investe na ideia de um assassino implacável perseguindo várias vítimas. É inegável que Halloween é um trabalho muito superior, mas Sexta-Feira 13 merece reconhecimento por ter impulsionado o sub-gênero slasher, além de ter dado base para o surgimento de um dos grandes vilões do cinema.
Temos aqui um grupo de jovens libertinos que resolvem ajudar na reabertura do acampamento Crystal Lake, local que ficou marcado negativamente no imaginário da população devido a um afogamento e outras mortes subsequentes.
É claro que rapidamente os jovens encontram seus respectivos fins na ponta de uma faca, um por um. 
Ainda que o filme não se destaque tanto pelo suspense, deve-se ressaltar a qualidade das cenas de morte. Mesmo com um baixo orçamento, o maquiador Tom Savini ( Sim ele mesmo o grande parceiro de Romero e seus zumbis ) demonstra ser dono de muitos recursos aos nos proporcionar uma experiência bem gráfica e até aflitiva em alguns momentos. Haja sangue!


Curiosidades sobre Sexta-Feira 13 – O Filme
- Em princípio, era para ser somente um filme. Mas como o sucesso foi bom, resolveram apostar em uma continuação. O resto é história...
- O filme foi realizado em uma cidadezinha de New Jersey chamada Blairstown.
- O verdadeiro nome do acampamento Crystal Lake é Noby Boscout, uma abreviação de North Burgon Boyscout.
- Na cena em que o personagem de Kevin Bacon (aliás, este é o quarto filme de sua carreira) é perfurado na cama, o supervisor de efeitos Tom Savini (o mesmo do filme Amanhecer dos Mortos original, de George Romero) teve de bombear literalmente o sangue de carneiro com uma mangueira através do corpo falso de Kevin. Mas na hora de filmar, a bomba estragou e como a cena não poderia ser repetida, ele teve de soprar para a cena não ser interrompida. Assim, teve de se lavar após, pois ficou todo sujo.
- Outra coisa interessante, é que para adicionar mais suspense, é a música que se tornou um ícone dos filmes de terror. O “chá chá chá” é na verdade uma fala da personagem de Betsy Palmer em uma cena de “Kill Her Mommy”. Somente foi feito uma repetição das iniciais de cada palavra “Ki, Ki, Ki”, “Ma, Ma, Ma”. Quem já assistiu ao filme, pode se lembrar bem dessa música incidental.
- A cena final em que a mãe de Jason é decapitada foi bem trabalhosa, pois teve de ser feita uma cabeça de mentira, que foi segurada pelos ombros de Tom Savini